Desapega

22-07-2021

Os seres humanos estão presos a coisas, situações ou pessoas porque têm o que lhes falta. O apego é o mau funcionamento de dar e receber. Se te fechas para receber e não tens energia para entregar só te resta ficar com essa energia estancada, exterior. Ou seja, tudo aquilo a que te sentes preso são as coisas que obténs energia mas que com a incapacidade de dar e receber, de expressar e aprender volta-se a repetir o mesmo vezes sem conta.

Como desapegar-se?

Compreender que o problema não são as dietas, a farinha, o namorado, ou os vícios. É a tua incapacidade de gerar um circulo equilibrado na energia do teu corpo. É preciso coragem para reconhecer as fraquezas, as tuas incapacidades e o que precisas. É na barriga que estão os apegos, as coisas que tens medo de soltar, o que não sabes como deixar ir. Reconhecendo os teus apegos saberás a origem das tuas necessidades. Soltar pode ser um trauma porque rompe e corta laços.

Eterna e inevitavelmente tudo está conectado no universo. Então não soltes nem cortes os laços ao que estás apegado. Para entrar em harmonia, reconhece primeiro que o apego, essa corda tem um nó, vê a origem e ajuda-a. Naturalmente vai-se soltar e tocar harmonicamente. Não precisas de apagar da tua vida vínculos, situações, coisas ou pessoas mas sim encontrar o equilíbrio porque são partes de ti. O importante é descobrir a razão porque se criou o apego. Talvez o apego tenha acontecido porque te tenhas desajustado, incapaz de administrar a tua energia de dar e receber. Consciência, entendimento e clareza são os ingredientes para identificar as coisas ás quais te tenhas desapegado.

Escreve LAÇOS e em baixo duas colunas: Apegos e Desapegos. Com total sinceridade, sem julgamentos nem preconceitos, simplesmente o que és e tens em ti. Escreve na primeira coluna aquelas coisas, situações ou pessoas, que sentes que tens apego neste momento. Depois na outra coluna escreve as coisas que reconheces que conseguiste desapegar, as coisas ou pessoas que dependias mas agora estão em equilíbrio. Reconhece e dá-te tempo para o equilíbrio e trabalho que sairá deste desafio.